As auditorias internas a sistemas de gestão são uma ferramenta imprescindível para monitorizar e verificar a implementação eficaz destes. As normas de qualidade, ambiente e segurança assim como outras referem a importância das auditorias internas. Referente às normas ISO, um dos requisitos das próprias normas é a realização de auditorias internas.

Auditorias internas a sistemas de gestão de qualidade, ambiente e saúde e segurança ocupacional não são atividades de inspeção, mas sim atividades necessárias como requisito, requisito ”9.2 Auditoria Interna”, referido na NP EN ISO 9001:2015, NP EN ISO 14001:2015 ou na NP EN ISO 45001:2018. A organização deve assegurar a realização de auditorias internas, de modo a avaliar a conformidade com os requisitos da norma, sendo necessário a elaboração de um programa de auditorias.

Como acima citado, as auditorias internas são conduzidas em intervalos planeados para determinar se o sistema de gestão:

  • Se encontra de acordo com os requisitos da norma;
  • Está corretamente implementado e se é mantido com eficácia.

São essenciais para a avaliação e melhoria do cumprimento e desempenho da organização, identificando os pontos de melhoria, assim como fornece informações importantes à organização.

São vários os benefícios da realização de auditorias internas a sistemas de gestão, nomeadamente:

  • Identificação de não conformidades;
  • Identificação de pontos de melhoria nos processos;
  • Aumento da eficiência;
  • Melhoria do sistema de gestão;
  • Verificação da implementação do sistema de gestão.

Passos de uma auditoria interna

São 5 os principais passos numa auditoria interna referente a um sistema de gestão:

passos auditoria interna

É importante a elaboração do cronograma da auditoria, de modo a garantir que todos os intervenientes tenham conhecimento de quando as auditorias internas irão ser realizadas. A planificação da auditoria interna consiste no delineamento de todos os processos realizados pelos intervenientes antes da ocorrência da auditoria, no sentido de assegurar o cumprimento dos objetivos do cliente. Os processos envolvidos incluem visitas, verificação de documentação, observação dos processos, etc. No final, a comunicação dos resultados é fundamental uma vez que permite transmitir as não conformidades verificadas, mas também áreas de melhoria e áreas positivas.

Após a realização da auditoria, deve ocorrer o acompanhamento em que as não conformidades identificadas na auditoria serão corrigidas ou melhoradas, assim facilitar a melhoria do sistema de gestão.

A metodologia realizada pela APO Partner encontra-se abaixo resumida:

metodologia apopartner

Dispomos de um serviço de Auditorias Internas a Sistemas de Gestão pelo que para qualquer questão adicional contacte-nos.