O que são?

A gestão florestal responsável e sustentável representa atualmente uma questão-chave no que respeita aos padrões ambientais, sociais e económicos.

A preocupação com a diminuição da viabilidade futura das florestas e por consequência, com os impactos negativos a nível do ambiente e das populações que dele dependem faz aumentar a consciencialização e a procura por produtos certificados.

Os sistemas FSC® ou Forest Stewardship Council, e PEFC™ ou Programme for the Endorsement of Forest Certification, surgiram com o objetivo de dar resposta à crescente globalização e consequente necessidade de adoção de boas práticas de gestão florestal assentes em princípios de sustentabilidade.

Estes sistemas são processos voluntários geridos por entidades certificadoras que asseguram a qualidade na gestão das florestas e na produção segundo os requisitos estabelecidos pelas entidades pública ou privada que acompanham o processo.

A certificação florestal e, por sua vez os rótulos associados, fornecem uma garantia de responsabilidade ao consumidor, permitindo-lhe identificar e escolher produtos provenientes de uma gestão florestal responsável e sustentável.

Qual a diferença entre FSC e PEFC?

A FSC® é uma organização sem fins lucrativos, não governamental e independente representada em Portugal pela AGFR (Associação para uma Gestão Florestal Responsável).

O PEFC™ representa a maior organização mundial para a certificação florestal, de origem privada, e que permite aos produtores florestais gerirem de forma sustentável as suas áreas de produção. É representado pelo Conselho da Fileira Florestal Portuguesa.

Tipos de Certificação?

Existem três tipos de certificação FSC e PEFC:

  • Gestão Florestal
    A certificação relativa à gestão florestal pretende assegurar que todas florestas são geridas de acordo com os requisitos de sustentabilidade.
  • Cadeia de Custódia (CdC)/ Cadeia de Responsabilidade (CdR)
    A certificação relativa à cadeia de custódia tem por objetivo assegurar que os materiais são identificados ou mantidos separadamente dos materiais não controlados ou não certificados ao longo do processo de produção, desde a floresta até ao consumidor final.
    Aplica-se a fabricantes, transformadores e comerciantes de produtos florestais certificados.
  • Madeira Controlada
    A certificação relativa à madeira controlada tem como finalidade garantir que as organizações e/ou empresas não incluem categorias de madeira consideradas inaceitáveis em produtos FSC.

Em que consistem os sistemas FSC® e PEFC™?

Os sistemas FSC® e PEFC™ são os dois principais sistemas de certificação florestal reconhecidos internacionalmente. A base destes sistemas assenta numa gestão da floresta considerando princípios económicos, sociais e ambientais.

Os sistemas são geridos a nível mundial por organizações não governamentais sem fins lucrativos que se dedicam a promover a gestão florestal responsável e sustentável.

A quem se destina a CdC/CdR?

A certificação de Cadeia de Custódia (CdC)/ Cadeia de Responsabilidade (CdR) aplica-se a todas as organizações, independentemente da sua dimensão, e que estejam envolvidas no abate/colheita, manuseamento, processamento ou transformação de produtos provenientes da floresta, e que pretendem assegurar que os seus produtos são compostos por matéria-prima certificada.

São exemplos de indústrias onde são aplicáveis os sistemas de certificação CdC/CdR:

Como se aplica?

A implementação e gestão do sistema dentro de uma organização passa por várias etapas: (1) pedido de certificação, (2) auditoria de concessão, (3) decisão de certificação, (4) certificado e atribuição do código de certificação, (5) auditoria de acompanhamento anual e (6) renovação da certificação, 5 anos após a obtenção da certificação.

Ao longo dos processos de implementação e manutenção destes dois sistemas de certificação devem ser considerados 4 pilares fundamentais: a política de compras, a análise de risco, o controlo de entradas e saídas e a rastreabilidade.

Vantagens da certificação florestal

A certificação florestal e de CdC/CdR acrescenta valor às empresas na medida em que, (1) melhora a gestão das florestas, no que confere ao planeamento, monitorização e viabilidade económica, (2) facilita o acesso a mercados de valor acrescentado, (3) funciona como um instrumento de marketing e, (4) dá resposta à crescente procura por produtos certificados.

 

 

Adicionalmente, as empresas que tenham já implementado um Sistema de Gestão da Qualidade de acordo com a ISO 9001, terão uma maior facilidade no que respeita à rastreabilidade dos produtos.

A APO disponibiliza serviços de consultoria no âmbito da certificação de Cadeia de Custódia e Cadeia de Responsabilidade, para os referenciais FSC® e PEFC™, nomeadamente na sua implementação e manutenção. Temos também programas de formação específicos para certificações FSC® e PEFC™.