A crescente necessidade de produtos certificados

Em resposta às progressivas consequências da desflorestação, degradação florestal e perda de biodiversidade aumentam os apelos a um comportamento mais sustentável face aos recursos ambientais e por conseguinte aumenta a procura dos clientes por produtos que satisfaçam os requisitos de uma gestão florestal sustentável.

Atualmente, assiste-se assim a um aumento da preferência por produtos que são obtidos de acordo com os padrões globais de sustentabilidade ambiental.

O logotipo e os rótulos dos produtos FSC® são uma marca globalmente reconhecida e que transmite confiança, tanto às empresas como aos consumidores que procuram produtos florestais que beneficiam as pessoas e o meio ambiente.

Um novo desafio para as empresas

Esta procura por produtos certificados, nomeadamente, que possuam a certificação FSC (Forest Stewardship Council) gera novos desafios às empresas no que se refere à implementação deste sistema e à sua manutenção. No que respeita a desafios internos destacam-se as competências técnicas e formação e, os recursos financeiros.

Um dos aspetos mais relatados pelas empresas no decurso da implementação e manutenção de um sistema de Cadeia de Custódia é o facto de ser um processo complexo e dispendioso financeiramente.

Os elevados custos diretos e indiretos da certificação foram identificados como um dos fatores com um peso mais significativo na aquisição deste tipo de sistemas para as empresas. Salienta-se por outro lado, a menor complexidade de implementação em organizações já certificadas por outro sistema de gestão, como por exemplo a NP EN ISO 9001:2015.

Para além disso, as organizações certificadas necessitam de garantir que têm colaboradores adequadamente formados e com disponibilidade para implementar e manter o sistema.

No que se refere aos desafios externos é necessário ter em conta que a divulgação deste tipo de produtos encontra-se neste momento em crescimento, pelo que a procura no mercado global vai aumentando de uma forma progressiva, na medida em que as empresas adotam como estratégia de marketing, a divulgação destes produtos e aquilo que esta certificação representa. Por outro lado, ainda que o impacto nas empresas seja positivo, não existem ainda dados suficientes que permitam às empresas prever de uma forma segura a repercussão económica da certificação e o retorno que esta possa trazer.

As mudanças naquilo que são os requisitos dos consumidores também são outra preocupação das organizações. Estes, encontram em constante mutação, pelo que as organizações têm de fazer um esforço para acompanhar os novos padrões de consumo que vão surgindo e que estão relacionados com a crescente preocupação pela preservação do ambiente.

Não obstante os desafios externos já citados, há ainda a considerar a existência de outros sistemas de certificação, que por estarem atualmente mais consolidados enquanto sistemas de gestão acabam por ser melhor aceites e reconhecidos.

Porquê certificar a minha empresa?

Atualmente, existe um interesse considerável em relação à produção e comercialização de produtos certificados e, principalmente, FSC®. Ao optarem por entrar no processo de certificação, as empresas que produzem produtos derivados da madeira, podem usufruir de vantagens, como o acesso a outros mercados, fomentar a credibilidade da organização e, promover a proteção ambiental e unir-se a um compromisso comunitário.

Produtos comercialmente reconhecidos

  • A certificação FSC® gera valor acrescentado ao produto: uma pesquisa realizada em 2014 pelo FSC Global Market Survey demonstrou que 81,5% dos detentores de certificado FSC® afirmam que a certificação agrega valor aos seus produtos.
  • Os consumidores estão dispostos a pagar mais por marcas sustentáveis: 66% dos consumidores afirmou estar disposto a pagar mais por marcas sustentáveis, de acordo com Nielson’s Global Sustainability Report 2015.
  • A procura por produtos certificados FSC® está a aumentar: a certificação FSC® encontra-se em crescimento contínuo na Europa, América do Norte, Ásia e América Latina. O número de certificados de Cadeia de Custódia FSC® aumentou 82% entre 2012 e 2017.

Principais dificuldades na implementação e manutenção

A certificação de Cadeia de Custódia FSC® implica ter em conta os seguintes requisitos:

  • A empresa tem de demonstrar inequivocamente, através de documentação, que adquiriu matéria-prima certificada;
  • Os produtos certificados e não certificados devem ser armazenados separadamente;
  • Devem ser comprovadas as taxas de transformação da matéria-prima em produto acabado (entrada/saída; perdas/desperdício).

Relativamente às principais dificuldades sentidas pelas empresas salientam-se:

  • A falta de organização física do fluxo de produção e falta de espaço e de controlo do produto, com risco de mistura de materiais certificados e não certificados;
  • A ausência total ou parcial de um elemento na equipa responsável pelo controlo do processo e da rastreabilidade;
  • A falta de sistemas de controlo documental do processo de produção, nomeadamente, no que se refere a procedimentos e registos.

A APO disponibiliza serviços de consultoria e formação no âmbito da certificação de Cadeia de Custódia FSC®, nomeadamente apoio à implementação e manutenção.